Início Brasil Secretário nacional de Justiça critica UPPs em audiência no Senado

Secretário nacional de Justiça critica UPPs em audiência no Senado

422

Durante uma audiência no Senado na tarde de segunda-feira (12), o secretário nacional de Justiça, Astério Pereira dos Santos, criticou o projeto das Unidades de Polícia Pacificadora (UPP).

“Quem vai ficar lá, depois, é um policial formado de forma massificada, colocado em uma UPP, que é um projeto político. Pois basta ver onde está que é para dar proteção à elite”, disse o secretário.

Astério Pereira dos Santos também criticou a falta de investigação dos crimes.

“Formados em massa e colocados lá, para enfrentamento, sem ter uma investigação prévia prendendo bandidos. Sem ter a apreensão de armas de grosso calibre, como vimos recentemente no aeroporto. Essas armas estão lá. Então chega o policial recentemente formado, partindo da premissa de que é dente-de-leite, recentemente formado e que não são corruptos, e sabemos que corrupção não é por aí. Esses rapazes são colocados lá para enfrentamento disso. Então eles fingem que policiam ou então se aliam. E a sociedade sofre este desgaste”, explicou o secretário.

Para o secretário nacional de Justiça, falta coragem por parte das autoridades para confessar que o projeto faliu.

“Depois falta coragem política para dizer que faliu, que não tem ação social junto desse projeto. É só a polícia. E quem determina que a polícia vai lá, que a polícia é fogo e que a polícia vai enfrentar são as autoridades que ficam no ar condicionado. E não tem nenhuma responsabilidade nas mortandades. Se matar resolvesse, a polícia do Rio seria a mais eficiente. E se é vitimado também, é da mesma forma, pelo que tem de policiais mortos. E nós ficamos olhando a notícia sendo midiática”, destacou Astério.

Fonte:G1
Foto: Reprodução/ TV Globo