Início Esporte Eliminados, jogadores do Grêmio exaltam esforço da equipe em Minas

Eliminados, jogadores do Grêmio exaltam esforço da equipe em Minas

45

O Grêmio foi eliminado da Primeira Liga. O time gaúcho perdeu para o Cruzeiro por 2 a 0 no estádio Mineirão e deu adeus ao torneio. O Grêmio entrou em campo com um misto de time transição com alguns jogadores reservas, contra uma mescla de titulares e reservas por parte do rival.

“A gente suportou e tentamos jogar. Criamos algumas oportunidades, mas o futebol é assim. Temos que estar ligados os 90 minutos, porque numa desatenção dentro da área os caras marcam os gols”, comentou.

O lateral esquerdo Conrado também ressaltou o esforço da equipe.

“A gente sai triste porque a gente se portou muito bem até o final do jogo. O time se esforçou, batalhou, pena que escapou. A gente sai eliminado, mas de cabeça erguida”, observou.

O garoto Jean Pyerre, que quase balançou a rede para o time em um chute de fora da área, lamentou que o Grêmio sofreu um gol no lance seguinte.

“Quando não é para entrar, não adianta. A bola passou rente à trave. Para ver como é o futebol, num lance depois em um bate-rebate dentro da área o Cruzeiro foi lá e fez o gol. Quando não é para ser, não adianta. Infelizmente não foi dessa vez, mas a gente está de parabéns pela entrega até o final do jogo”, disse.

O peruano Beto Da Silva celebrou mais uma oportunidade. O jogador que chegou ao Grêmio no começo de 2017, viveu uma sequência de lesões e ficou bastante tempo afastado do gramados. Agora, Beto Da Silva tenta recuperar a confiança e o ritmo de jogo.

“Eu estou ganhando confiança, pois eu tinha perdido bastante. Cheguei muito bem no começo do ano e acabei tendo um monte de lesões. Acho que perdi bastante a confiança, mas já estou recuperando. Graças a Deus, consegui completar quase um jogo inteiro. Infelizmente não deu a vitória, mas foi um grande jogo”, afirmou.

Com a equipe principal, o Grêmio volta a campo no sábado, às 16h (de Brasília), contra o Sport, na Arena, pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Fonte:Espn